Bem Vindo a APAN Maringá

História

A NATAÇÃO

Natação, a ação de nadar, de se deslocar em meio líquido.

Fomos gerados no útero de nossas mães em meio líquido. Aproximadamente 70% do planeta TERRA é coberto por ÁGUA.

Saber nadar não é apenas uma prática de atividade física... Saber nadar vai muito além de se exercitar, é uma questão de sobrevivência. Por uma questão de segurança, todos os seres humanos devem saber nadar, e então, a natação deve fazer parte da educação de todas as crianças.

Além disso tudo, pensando em Natação como um Esporte, podemos afirmar que é o único esporte vitalício, ou seja, é o único esporte que permite a prática desde bebê e para sempre. A Natação é um dos esportes mais completos para o corpo humano, estimulando do desenvolvimento dos sistemas cardíaco, respiratório, metabólico e locomotor, proporciona inúmeros ganhos a saúde de seus praticantes, sejam eles: crianças, adolescentes, adultos, idosos, gestantes, pessoas com deficiência etc.

A prática da natação acontece geralmente em piscinas com ambiente controlado e seguro.

Usamos o termo geralmente no parágrafo acima, pois a natação também pode ser praticada em lagos, rios e mares, sendo que esses ambientes exigem um domínio das técnicas natatórias mais refinadas.

O ESPORTE NATAÇÃO

A arte de nadar pode ser praticada em diferentes manifestações esportivas:

  • Natação como esporte de participação: aqui o objetivo é a realização de uma atividade física que promova saúde e lazer.
  • Natação como esporte educacional: aprender a nadar objetivando a segurança do seu praticante, pois saber nadar reduz as chances de afogamentos que podem ocasionar traumas, sequelas ou a morte.
  • Natação como esporte competitivo: o ser humano é competitivo por instinto, e assim, querer saber quem nada mais rápido ou a maior distância e até mesmo com a melhor técnica, sempre fez parte da história deste esporte.

A natação faz parte da atividade humana desde os primórdios da civilização.

A primeira competição de natação oficial de que se tem registro aconteceu na Austrália, em 1858, embora os estilos tenham sido fixados e aprimorados nas terras britânicas. Uma década depois, a Inglaterra promoveu seu primeiro campeonato nacional, seguida pelos Estados Unidos.

A primeira edição da Era Moderna dos Jogos Olímpicos, em 1896, em Atenas, contou com provas aquáticas, porém no mar. Os atletas disputaram na ocasião os 100m, 500m e 1200m livre. Nos registros, o primeiro campeão olímpico da modalidade foi o húngaro Alfred Hajo, ouro nos 100m livre.

Olimpíadas em piscina, só 12 anos depois, nos Jogos Olímpicos de Londres, em 1908. O país tinha seis piscinas na época, algo raro pelo mundo.

A NATAÇÃO NO BRASIL

Por ser considerado um esporte vitalício, a natação está entre os esportes mais praticados do mundo.

No Brasil, é o 4° mais praticado segundo a fontes do Atlas do Esporte no Brasil, mas ainda sim é difícil de computar esse número, pois as pessoas nadam em piscinas residenciais, de escolas, colégios, clubes, rios, lagos e oceanos...

A natação chegou ao Brasil somente em 1897, quando foi fundado no Rio de Janeiro a União de Regatas Fluminense, o primeiro campeonato foi realizado em 1898. Com o passar dos anos, a natação brasileira foi evoluindo, projetando-se internacionalmente, quando diversos nadadores brasileiros obtiveram marcas mundiais e quebraram recordes.

A NATAÇÃO EM MARINGÁ

Diante do antiguidade da história da natação mundial e até mesmo brasileira, a natação maringaense ainda é um “bebê em desenvolvimento”.

As primeiras piscinas para a prática da natação em Maringá datam do final da década de 50 e década de 60. Nesse período foram construídas as piscinas do Maringá Clube e posteriormente Country Clube e Clube Olímpico, sendo o Clube Olímpico de Maringá o primeiro a construir uma piscina oficial olímpica (50m) e inaugurar no ano de 1974.

De lá pra cá grandes nadadores surgiram em Maringá e se destacaram no cenário nacional e até internacional.

Hoje a cidade conta com mais de 40 piscinas estruturadas para a prática de esportes aquáticos como a natação, sendo públicas quase a metade delas e as demais pertencem a escolas particulares, clubes e universidade. Além disso, abriga a segunda maior equipe de natação do Estado do Paraná.

Da união de forças de pais e atletas da natação maringaense, em 2003 nasce a APAN Maringá (Associação de Pais e Atletas da Natação de Maringá), e vem ao longo de 18 anos desenvolvendo o esporte em sua manifestação competitiva em alto rendimento e revelando talentos com destaque nacional.

A NATAÇÃO DA APAN MARINGÁ

Hoje a natação da APAN Maringá atende a mais de 90 atletas com idades variadas entre 08 à 24 anos e almeja montar um time de máster para atender nadadores de 25 anos acima.

Todo o trabalho é desenvolvido em parceria com o poder público da cidade, onde são subsidiadas partes das despesas projetadas além de estrutura física para a realização dos treinos, que hoje conta com as piscinas da Vila Olímpica e com a locação de piscinas de escolas particulares.

A APAN é uma associação de pais e atletas sem fins lucrativos, que como o próprio nome já sugere, é administrada pelos próprios pais que associam-se para que seus filhos possam ter acesso aos ensinamentos e treinamento oriundos da natação e do esporte de alto rendimento.

Além disso, a APAN é vinculada a FDAP (Federação de Desportos Aquáticos do Paraná) e CBDA (Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos), e seus atletas competem ao longa das temporadas cumprindo com o calendário nacional e estadual da natação.